Como saber que um “hetero” é gay?

Essa pergunta foi feita pelo leitor Walison. É uma curiosidade de muito homossexual em saber se o cara A ou B é gay também. Muitos querem saber porque se apaixonam pelo cara, ou então porque o cara fica dando sinais que está interessado no gay.

Ontem eu passei por isso, conheci um cara, a gente flui no local onde eu estava um papo bacana por umas quatro horas, ai ele chegou em casa me add no facebook e ficamos até a madrugada no face e msn conversando, sem falar que ele deu umas encostadas, mais dai a saber se ele é gay, é uma grande interrogação.

INTERROGAÇÃO mesmo, e com letras garrafais.

Isso que eu vivo na maioria das vezes, porque os caras que mais mexem comigo são estilo “hetero”, ou os supostos “heteros”.

Confesso esse tipo de cara misterioso é bastante encantador.

Mas voltando a saber se o cara é, há alguns sinais, como se ele te olha com olhar profundo e fixo, as vezes se fica piscando o olho para você, ou os mais ousados que ficam apertando o pinto, ou quando se faz gesto parecido ele os olhos dele vão em direçao a aquele lugar.

Eu prefiro o jogo de olhares fixos e o papo. Tem cara que você mesmo sabendo que é o suposto “hetero” dá sinais no rosto que está gostando de você além, o brilho no olhar é algo que entrega, quase impossível um homem ficar com olhos brilhando para o outro e sorriso de ponta a ponta, se ele não está interessado em você.

Esteja preparado porque também o cara pode ser bissexual, e certamente talvez ele queira você as vezes e mulheres as vezes.

Tem aquele famoso jogo de você pega ele te olhando, mas ele finge que não estava, esse é bacana, eu gosto, dá uma emoção enorme. E há também os que ficam se encostando em você.

Bem não existe uma formula, ou radar ou gaydar, para descobrir se um “hetero” é gay, isso vai de caso a caso, e da forma com que você se relacionam e se abordam.

Eu continuo com várias interrogações, quem sabe um dia descubra as verdades sobre eles. Uns até eu diria que namoraria, porque tem tudo haver comigo e me fazem bem.

Mas conselhos, vai com calma, porque nem toda pessoa atenciosa e carinha está dando em cima de você.

Continuem lendo outros post clicando aqui

Anúncios

30 respostas para “Como saber que um “hetero” é gay?”

  1. Sabe, não muito a ver com o tópico, ainda que possa dizer que não sei “jogar o jogo”, sou super tímido e nem aparento ser homo, só queria usar o espaço e dizer que conheci o site recentemente e foi como encontrar um suporte, rs… Acho que tenho aprendido a lidar comigo mesmo e tirar tanto peso e culpas (que não são verdadeiras) das costas, de ver que eu também tenho direito a felicidade, amizade e amor…

    Bom, você já deve estar cansado de gente desabafando aqui, mas como é complicado estar “fora dos padrões” dentro do que já é considerado fora dos padrões, né?? No meu caso nem sei se um dia teria coragem de contar à alguém, sabe, aquele velho ‘background’, do cara super tímido, fechado, os poucos amigos que tenho parece que faço questão de afastar pouco-a-pouco até perder totalmente o contato, é como estar sempre na defensiva, sem poder respirar um minuto… Pior ainda é ter uma mulher super especial que te ama, e você seria o cara mais feliz do mundo se pudesse corresponder, mas considera ela “apenas” sua melhor amiga, alguém com quem quer dividir a vida, mas como amigo, sempre, e não ter coragem de sequer pra ela contar, imagina como ela poderia se magoar?? Cara, é dureza… Eu queria tanto ter o apoio de um amigo pelo menos…

    Pode parecer desculpa também, mas rola uma auto-depreciação que tem me impedido de lutar por mim mesmo, pelas coisas que amo, ainda sou de certa forma, apesar de ter um emprego legal, dependente da familia (que eu amo, mas, velha história novamente, nunca aceitaria), tenho 23 anos, não tenho grandes conquistas, como não ter ainda me formado, por exemplo… E sinto que o caminho ideal é conquistar a independência, ser um homem digno acima de qualquer coisa… Sabe, pode parecer hipocrita, mas minha busca não é ter um carro do ano, milhões e milhões, etc, essas coisas que brilham os olhos das pessoas em geral não me apetecem, rs É triste como as pessoas rotulam, diminuem e julgam quando a gente não se encaixa
    Eu sinto que minhas conquistas são as coisas mais puras e que preenchem realmente , amizades, conhecimento, ajudar os outros de alguma forma, buscar qualificação, seguir desenhando que é o que mais amo… Outra boa ajuda é seguir algo que te preencha, não me considero pertencente a nenhuma religião, mas sou muito afeito ao budismo, sempre buscando aprender e conhecer e entender que ser um grande homem, iluminado, é não se derrubar pelas ilusões…

    Ultimamente tenho sido uma contradição ambulante, lutando contra um sentimento de culpa enorme toda vez que faço algo por mim, sentindo as vezes que não tem chance de ser feliz preso a tanta coisa, e por outro lado um desejo de lutar e crescer, de buscar esse direito tão fundamental que é a felicidade… Acho que o que mais me fez afastado do mundo ‘fora do armário’ é a banalização do sexo, das relações, posso soar mais sensivel do que necessário, ainda que na minha vida do dia-a-dia seja visto como um cara “duro e insensivel”, rs, mas eu não consigo acreditar que a vida se resuma a essa badalação tão efêmera, essa vida de “guetos”, que nunca tive sequer desejo de pertencer…
    Cara, desculpa por usar seu blog, mas acredito que você saiba o quanto é duro viver preso e carregando tanto peso, quanto doi uma vida de solidão, se ver sempre sozinho e sentir a vida tão curta passando, você me pareceu um homem muitos maduro e forte pra enfrentar as coisas, um cara digno, homem com H maíusculo, e te agradeço o “suporte” do blog, um dia eu chego lá também =)
    Abraço de um cara que já te considera um amigo

    1. Alexandre,

      Seja bem vindo! Pode escrever a vontade.
      Todos nós ainda buscando nossas afirmações, nossas conquistas. Mas sinta que já é uma grande conquista você saber suas limitações e querer seguir em frente, é uma conquistar você querer ver a vida com amizade e com os simples atos. Você já é um vitorioso.
      Tem email?
      Abraçoss

    2. Ola, sou um visitante do blog, vi o que escreveu e me identifiquei muito com suas palavras, hoje tenho 18 anos, mais ja vivi assim como você, meu unico desejo era estar longe de tudo e de todos pelo fato de não me aceitar, infelismente vivemos em um mundo onde o preconceito impera, e sem saber como lidar com isto acabamos criando um escudo pessoal para nos protejer, mas é uma coisa que no fim das contas nos faz mal, apesar da pouca idade me sinto muito maduro, sofro muito também quanto a solidão, é muito bom ter alguem do lado para os momentos que mais precisamos e sempre o que vejo é a dura realidade de que isto não existe em minha vida, hoje em dia eu tento me dar chance de tentar viver feliz ou pelo menos tentar, tento prender meus pensamentos em coisas construtivas para poder não me pegar pensando em coisas que me deixam triste e que possam me adoecer novamente, vivi um estagio de minha vida que meu mundo era o meu quarto, me trancava e lá vivia, não gostava de ver nem ouvir ninguem, passei por acompanhamento de psicologos mais nunca pude ser realmente dignosticado pois o que sentia era meu, algo pessoal e não contava para ninguem, quando percebi o mundo que estava entrando coloquei um baste e me desafiei sair daquela foça, então comprei roupas novas e mudei muito meu jeito, procurei conquistar amigos por onde passava, hoje sou um garoto bem comunicativo, procuro sempre estar por dentro de todos os assuntos atuais, e tenho vivido bem melhor, saio com os meus amigos, trabalho, adoro entrar na internet e procurar assuntos diversos e interessantes ao meu gosto acho que é uma grande ajuda, então meu amigo eu quero lhe dar esta sujestão, procure tentar fazer o mesmo e se sentirar bem, com o tempo conhecer uma pessoa especial, no dia a dia com certeza cruzarar com alguem que possa te ajudar a mudar a sua vida, o mundo hoje pensa de forma errada e acabamos seguindo este pensamento, ser gay não é sinal que não deverá se dar ao respeito e que não possa ser feliz, ser homossexual é apenas a opção de querer gostar de alguem do mesmo sexo, mais temos todo o direito de viver feliz , não importa se o mundo vai estar a favor ou não, temos o direito de sair curti a vida e as coisas boas que elas nos oferece, então amigo bola para frente, te desejo tudo de bom.

    3. Alexandre,cara vc falou tudo é EXATAMENTE o que eu sinto,tipo,solidao,sempre sozinho a vida curta passando tão depressa e mesmo assim não temos forças pra se levantar e mudar a situação,porq querendo ou não precisamos de um apoio e esses nossos apoios de hoje seriam os primeiros a não nos acertarmos.É triste mesmo!
      Amei quando disse que ”
      Alexandre em maio 11, 2011 às 3:52 am

      Sabe, não muito a ver com o tópico, ainda que possa dizer que não sei “jogar o jogo”, sou super tímido e nem aparento ser homo, só queria usar o espaço e dizer que conheci o site recentemente e foi como encontrar um suporte, rs… Acho que tenho aprendido a lidar comigo mesmo e tirar tanto peso e culpas (que não são verdadeiras) das costas, de ver que eu também tenho direito a felicidade, amizade e amor…

      Bom, você já deve estar cansado de gente desabafando aqui, mas como é complicado estar “fora dos padrões” dentro do que já é considerado fora dos padrões, né?? No meu caso nem sei se um dia teria coragem de contar à alguém, sabe, aquele velho ‘background’, do cara super tímido, fechado, os poucos amigos que tenho parece que faço questão de afastar pouco-a-pouco até perder totalmente o contato, é como estar sempre na defensiva, sem poder respirar um minuto… Pior ainda é ter uma mulher super especial que te ama, e você seria o cara mais feliz do mundo se pudesse corresponder, mas considera ela “apenas” sua melhor amiga, alguém com quem quer dividir a vida, mas como amigo, sempre, e não ter coragem de sequer pra ela contar, imagina como ela poderia se magoar?? Cara, é dureza… Eu queria tanto ter o apoio de um amigo pelo menos…

      Pode parecer desculpa também, mas rola uma auto-depreciação que tem me impedido de lutar por mim mesmo, pelas coisas que amo, ainda sou de certa forma, apesar de ter um emprego legal, dependente da familia (que eu amo, mas, velha história novamente, nunca aceitaria), tenho 23 anos, não tenho grandes conquistas, como não ter ainda me formado, por exemplo… E sinto que o caminho ideal é conquistar a independência, ser um homem digno acima de qualquer coisa… Sabe, pode parecer hipocrita, mas minha busca não é ter um carro do ano, milhões e milhões, etc, essas coisas que brilham os olhos das pessoas em geral não me apetecem, rs É triste como as pessoas rotulam, diminuem e julgam quando a gente não se encaixa
      Eu sinto que minhas conquistas são as coisas mais puras e que preenchem realmente , amizades, conhecimento, ajudar os outros de alguma forma, buscar qualificação, seguir desenhando que é o que mais amo… ”
      Flw !

  2. Sabe, já fiquei com alguns “heteros”, e acredito que para eles, sair com um cara de vez em quando pode ser apenas uma fantasia, algo que não comprometa sua virilidade. Eles podem ser bi tb, ou não… Realmente tem uns caras que nos deixam intrigados. O que te chama a atenção na verdade, é o que chama a atenção de todos nós homossexuais. É a virilidade, a masculinidade, o ser homem. Agora te pergunto: só os heteros são tão viris? Só eles podem ser viris? Quem sabe esse hetero que você conheceu seja uma espécie de Gareth Thomas, precisando de um empurrãozinho??? Ainda estamos impregnados da moral gay, por isso a dificuldade de estabelecermos pontes. Sabia que entre os hititas e muitos povos antigos, era sinal de virilidade ficar com outro homem? E que entre os próprios hititas já existia uma lei que permitia que dois homens pudessem viver juntos? Meu amigo, tem tanta coisa que nós homossexuais não sabemos… Faz tanto tempo que somos vítimas da vitimização em sermos diferentes que estamos cegos. Portanto, quando você pensar nos “heteros”, imagine que ele pode ser como você, afinal, ser masculino não é privilégio só dos verdadeiros heteros! Um abraço.

    1. Muito bacana essas informações que você nós traz Andrey. Se quiser escrever um post trazendo essa parte sobre hititas, sinta-se a vontade. Abraçoss

  3. Legal. Ando um pouco ocupado, mas certamente vou deixar um post sobre os Hititas, Gilgamesh… Coisas bem interessantes a respeito da homossexualidade masculina. Mais uma vez parabéns! Veja que você hoje tem uma responsabilidade com aqueles que aqui encontram um alento. Sua superação está motivando e mudando o jeito de pensar de muitos rapazes, isso é bom, pois o que nós mais precisamos quando somos muito jovens, é de um amigo, alguém parecido e que nos dê um suporte para vermos que não estamos sozinhos. Suas experiências mostram que mais que “direitos”, precisamos nos gostar, nos amar, e nada como seu exemplo, que agora motiva o Alexandre, como me motivou também, inclusive a engatinhar no meu blog! Forte abraço! Ah! Luto Jiu-jítsu sim, há cinco anos. Minha vida se divide antes e depois dele. Forte abraço!

  4. Pode responder a minha pergunta?

    Pergunta: Porque os gays só pensam em sexo? Eu quando quero ter alguem, eu não quero sexo, quero é amor, mas isso é dificil… Quase todos os gays so querem sexo e eu não me interesso muito por isso… Eu passo muito tempo sozinho, vou ao cinema sozinho, estou na escola sozinho, estou no quarto sozinho, e ás vezes sinto vontade de ter alguem só para abraçar, dar-me mimos, beijar, etc…Mas é impossivel encontrar um rapaz assim, todos eles só querem sexo e isso dá-me vontade de desistir e esquecer o mundo gay, e viver sozinho para sempre! Mas como voce disse num outro poste, nós temos medo de ficar sozinhos! Não sei que fazer! =/

    1. Fala Paulo,
      Homem é um bicho safado na sua maioria, os homens heteros são assim. O homem busca caçar. Eu também sinto o mesmo que você. Gostaria de ter um namorado um cara mais proximo para sairmos e não só pensarmos em sexo.
      Vou fazer um post sobre isso e tentar te responder.
      Já posto.
      Abraçao

    2. Bem, nem todo gay só quer sexo, mas a maioria dos homens (acredito eu) são um pouco “safados”, heteros ou não, igual o dono do blog te respondeu. Sou Bi não assumido e tem um menino na minha sala que eu gosto, mas eu não quero sexo nem nada. (mesmo que quizesse não poderia pois sou muito novo: tenho apenas 13 anos) Eu só quero alguém pra dividir conversas, trocar olhares e gestos, fazer carinho e dormir ao lado. (Dormir mesmo, não fazer sexo) Mas eu talvez nunca revele pra ele, pois todos os preconceituosos de “cérebro pequeno” na minha sala iriam me zoar o resto da vida se ficassem sabendo. E, além de tudo, o máximo de expectativa que eu tenho é que ele seja Bi, pois já pegaram ele dando um beijo de língua na “namorada” dele. Bom, é isso. Aproveitei e já desabafei um pouco. rs

  5. Eu já tive e continuo tendo dúvidas e medos quanto a minha sexualidade, mas hoje tenho certeza que quase não sinto atração por mulher (como se não precisasse) e sei que a beleza e a virilidade masculina sempre me atraíram, desde que sou pequeno. Eu cresci como o rapaz certinho e vivi muito em cima disso, com medo de errar e ser rotulado negativamente. Mas agora, já tenho 20 anos, trabalho, estudo e me cuido. Sinto-me muito mais preparado para ficar com esses homens que sempre me atraíram. O problema é com quem ficar. Na faculdade onde estudo, vejo homens atraentes o tempo todo e anseio para ficar com algum deles. Atualmente tem um rapaz na sala ao lado que me atrai e um professor de outro curso que é muito bonito e eu sempre vejo. Já dei olhadas discretas pra eles e confesso que acabo criando expectativas, apesar do pessimismo de achar que eles não ligam a mínima pra homens. Agora resta esperar. Confesso que não vejo a hora.

    1. Fala Sam,
      Bom que você já sabe o que quer da vida. Do amor, dos gostos.
      Quanto ao jogo da paquera, fica tranquilo, as coisas fluem com o tempo e você vai saber quem é e quem não é, quem dar condição ou não.
      Sucesso!
      Grande abraço

  6. Eu já fiquei com 3 caras (não todos de uma vez) com jeito de héteros e até namoradas eles tinham. Fui chegando com jeitinho e descobri que eles gostavam de homem. Meus amigos ficaram surpresos com isso, porque eles conheciam esses caras. Realmente, eu sou um expert em reconhecer gay, sei lá. Mas algumas pessoas falam que um gay sabe reconhecer outro gay, eu mesmo sou um desses.

  7. eu sei como descobrir se um hetero e gay ou bi,
    pegue o numero do cell dele e se finja de um homem que ta afim dele , e marque um encontro ,
    se ele topa e pq ele e gay ou bi se ñ e pq ele e hetero isso funciona eu ja fiz isso cm o meu amigo e funcionou !!!

  8. Sou um tipo de gay discreto as vezes dou uns deslizs,tem um garoto ke mim atrai ele mim da bola mas eu nunka liguei…agora vou dar uma chance a ele..vou ter meu bbzinho ki eu mas kelia!amu ele d vrdad.

  9. Estou precisando de alguem q possa me orientar sobre o homossexualismo, pois tenho 18anos e estou sofrendo muito por ñ poder assumir minha verdadeira identidade!

  10. Bom,
    Esse ano entrei na faculdade e estou passa do por algo q nunca passei…
    No inicio das aulas o grupo de meninos ficavam olhando e as vezes riam qndo eu falava na aula, ate ai normal afinal ja passei da fase de importar com esse tipo de coisa.
    O estranho aconteceu a 3 semanas atras quando um desses meninos me seguiu no facebook, sem eu se quer jamais ter dado um oi para ele e nem te-lo adicionado no face. Achei muito estranho e comecei a repara-lo. Percebi que ele as vezes passa o olhar por mim nas aulas , nada muito fixo ,mas olha. No inicio eu pensava que era por deboche mas depois que ele me seguiu passei a ter duvidas. Adicionei ele no face e ele aceitou..,
    SERA QUE ELE CURTE? Essa situacao me fez desaja-lo muitoo!!!

  11. Não sou assumido sou muito discreto e sou Bi algumas coisas que vcs falaram é verdade só que o medo chega tão grande de poder conhecer aquela pessoa por dentro e por fora eai vem “rejeição” o que é eu faço pra resolver isso?

  12. Bem… Estava pesquisando…voce sabe… Sobre essas coisas e achei este site. Eu realmente adorei esse post e que concerteza me servira para umas coisas ai ra.. Tenho 15 anos e me considero um gay incomum pois… Tudo que vejo nos outros minha ”especie” sao interesseirps em sexo rs e eu nao sei serr assim…lpgico como qualquer ser humano carnal eu me interesso ppr isso… Mas cpmtanta vpntafe como eles… Quero mais e alguem que me ame e me de a atenvao merecida rs ainda sou daqueles que somha com um homem masculotovandp serenata na frente de casa para mim.
    .. E tai uma coisa a qual eu nunva abrirei mao sao desses sonhos rs sim eu ainda nao sai do armari, sim sofro com isso. Sim tenho poucos amigos e spu muito fechado e sinto que a cada dia fica mais dificil segurar a onda aki… Qualquer dia esa bonba vai ser solta mas quer saber… Eu nao ligo.. Aps 15 anos de idafe ja sofri desilusoes demais que me fizeramencergar a dura realidade da vida e perceber que quando se decife ser gay, e melhor vc ter em mente por tufp que ira passar. E sim eu achp que vou tentar e vou conseguir superar essas barreiras da vida.posso ser sensivel… Muito sensivel por dentro. Mas sei assumir meu lugar de ho
    Em ppr fpra e lutar por meus direito… E nunca em menhum momentp da minha vida eu tive vergonha do que sou… Tenho orgulho de ser gay e para mim e uma honra ser diferente desas pessoas simples fese mundo
    .
    Rsrsrgenti me descupem mais eu precisava desabafar viu rsrs obg seu lost me akudou muito rs ao menos aki posso me anri com alguem bjs bjs

  13. Meu nome é lucierli sou um menino tenho 14 anos de idade e estou apaixinado por um menino da minha sala e isso é desde o ano passado.ano passado estavamos eu,ele e mais algumas pessoas na escola quando nos olhamos e ficamos nos olhando por um bom tempo e ele nao desviava o olhar e nem eu e estavamos a centimetros de distância quando isso aconteceu e senti alguma coisa de diferente quando nos olhamos vi um brilho no olhar dele.e nesse ano ele esta do mesmo jeito olhando pra mim.e no mes de março desse ano eu me declarei pra ele de um modo errado.antes disso nos falavamos e tudo mas apartir desse dia ele fala cmg mas nao como antes.ele fik olhando pra mim e eu pra ele mas quem desvia o olhar é ele.e nao sei se devo falar com ele de novo o q eu faço?

  14. Ola, acabei de ler o artigo, acho que mr encaixo no “hetero” ou “suposto hetero” ou até mesmo no “bissexual”. Sempre tive namoradas, sempre gostei de mulheres, ainda gosto. Sou uma pessoa atraente, nao sendo grotesco, mas sempre fui curioso, e tenho algumas vontades como todo ser vivo tem, ja me aconteceu dr varias vezes, alguns homens, no caso “heteros” ate mesmo alguns casados, de ficarem piscando direto pra mim, dando sorrisos sem maias delongas, olhando repetidamente entre outras coisas, e eu retibuia como algo normal, e o mais interessante, é que esses homens, eu malemá conhecia-os kkkkk
    Hoje tenho contato com alguns deles, e depois que li esse artigo, vou prestar mais atencao ao meu redor e quem sabe nao matar minha curiosidade.

  15. Hoje em dia é normal tem caras casados com mulher e tem filhos e ficam com caras eu sou gay ele varias vezes me deu cantadas mas eu penso na mulher dele e os filhos por isso não fiquei com ele ainda mas ta dificil negar

  16. Hoje em dia é normal tem caras casados com mulher e tem filhos e ficam com homens
    eu sou gay ele varias vezes me deu cantadas mas eu penso na mulher dele e os filhos por isso não fiquei com ele ainda mas ta dificil negar

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s