Ser gay aos quarenta anos

Um dos nossos leitores havia pedido para que fizessemos um post sobre ser gays depois dos quarenta anos. É interessante esse assunto, já que daqui há quatro anos terei essa idade.
Ter quarenta anos ou mais não é um bicho de sete cabeças, é claro, há algumas mudanças físicas e até comportamentais, mas ser gay um gay mais “maduro” tem algumas complicações no nosso meio. No meio dos heteros essas idades são charmosas, tem mulheres que suspiram pelo coroa, o quaretão. Elas acham que o homem nessa idade sabe o que quer.
No meio gls, se você fala temo 35, 40 anos, as pessoas já te descartam logo (tanto sexualmente, quanto para namoro), falam essa “bicha velha” ou imaginam que você já está em pedaços, já que neste meio a beleza e jovialidade é o que contam.
Eu digo que isso é até um pensamento burro, e míope, porque tem gente de quarenta anos mais bonito e conservado que muito rapaz de 25 que já rodou e muito.
No meu caso, hoje com 36 anos, uma das minhas dificuldades com essas idades é que não encontro um cara que me acompanhe em pensamento e estilo de vida, a maioria dos caras de 30 anos para cima, quer mandar, e acho isso chato numa relação, também acho chato quando a pessoa passa dos 30 e vive em função somente de status trabalho e dinheiro.
Meu estilo de vida aos 36, próximo dos 40, é esportivo, é descontraido e fora de alguns conceitos que permeiam o meio gls, e hetero também.
Não quero ficar atrás de garotinho de 20 pelo corpo, na verdade tenho me relacionado com cara de vinte e poucos anos pela cabeça e não pelo corpo, claro, algumas coisas físicas contam, se não, falasse isso aqui, estaria sendo hipocrita, mas não é a coisa mais importante numa pessoa, eu gosto é de papo, do conjunto.
Já oss caras da minha idade e acima dela, minha maior dificuldade com eles reside em  não baterem com meu estilo de ser. Eu até sou flexivel mas eles complicam comigo.
Mas voltando em ser gay aos quarenta anos, eu não vejo problema algum com essa idade, ninguém morreu, ninguém está caindo aos pedaços.
As pessoas ligam idade a forma física, claro que uma coisa e outra vai cai, alguns vão perder o libido que antes era constante. E mesmo só tenho libido com pessoa que me atrem, já me chamaram até de “broxa” porque não senti vontade de sexo. Na verdade quando se é mais novo, os hormonios parecem
que não selecionam tanto, mas quando se é mais maduro, talvez, eles por sabedoria nos façam selecionar no ato de atração.
Não vejo problema algum se um gay aos quarenta anos vai a uma boate, ou não tem o chamado estilo “sério” de “senhor” coisa importada do mundo hetero, que os gays falam tanto contra, mas que assimilam.
O negocio é ser você mesmo aos quarenta anos, não se deixar rotular por padrões imposto, o importante é viver, é claro.
Uma pessoa de quarenta anos pode fazer tudo, e faz até mais que muito cara de 20 anos que limita a vida. Mas o bacana de se ter quarenta anos, é ser honesto consigo mesmo, e com os outros, viver deuma forma saudavel e com harmonia.
Não tenham medo da idade. Porque ela vai chegar para todos. Tem muito gay que acha que não vai envelhecer, mas é um iludido, ela chega.
O bacana é combinar maturidade nas ideias e jovialidade no modo de ser.

Continuem lendo outros post clicando aqui

Anúncios

16 respostas para “Ser gay aos quarenta anos”

  1. Excelente papo cabeça! Concordo plenamente com vc. O mundo é bem diverso e apesar dos “rotulos” o importante sempre será o conteúdo, não importando se a pessoa tem 18, 25 ou 60 anos nem se ela é branca, negra, amarela…enfim. A triste ilusão em que muitos se baseiam é o que vemos hj…mas o importante é sermos nós mesmos e sermos determinados naquilo que queremos! Um forte abraço a todos!

  2. Tava lendo um post em blog que dizia que a prática do homossexualismo é pecado.O texto informava que o indivíduo pode nascer com uma tendência homossexual,no qual a pessoa começa desde pequeno a se desvirtuar para o pecado.Se a pessoa tivesse essa tendência ela teria que conseguir conter todos os seus desejos e tentar seguir para o caminho certo(no qual seria se casar com uma mulher e ter filhos).

    Bom eu fico pensando se eu seguisse esse caminho.Casar com uma mulher e ter filhos,construir uma família.É bonito isso, eu queria construir uma família,mas eu não posso porque eu sinto atrações por homens.Se eu seguisse esse caminho ,estaria enganando a minha família e a mim mesmo,porque eu sei que mais cedo ou mais tarde vai ter uma hora que vou senti necessidade de ter relações sexuais com um homem.E uma coisa que eu não quero para minha vida é ter uma família e vários casos extraconjugais com homens.
    abraços.

    1. Você pode construir uma família com seu parceiro, ter filhos com ele ou por inseminação ou por adoação. E terem uma família homo, tão bonita, quanto uma hetero.
      Bacana também você não querer enganar uma mulher. Isso ai! Honestidade é tudo.
      Continue assim
      Grande abraço

  3. Eu já entrei na crise dos 19 anos de estar me achando velho e sabe de uma coisa isso tudo está na cabeça deveriamos era comemorar cada ano de vida isso tudo é uma fase que passa. Aposto que vc pode tanto ou mais do que um garoto de 18 anos.

    1. Isso que decidi, não quero conhecer ninguem por enquanto, vou continuar compartilhando coisas bacanas com meus amigos que sempre estao ao meu lado, vou preferi compartilhar coisas boas e ate materias com pessoas que estao ao meu lado, do que com possiveis pessoas que possa me envolver em relacionamento.
      Certamente, concordo contigo, comemorar e degustar a vida como um bom vinho.
      Grande abraço garoto!! e continue a comentar.

  4. Penso que existe essa coisa da idade relacionada às experiências que vamos juntando na vida. Quando somos ainda adolescentes ou jovens costumam ter a visão de que aos 40, 50, estaremos muito velhos de corpo e de cabeça. Há casos e casos. Tenho mais de 40 e não me sinto tão velho quanto achava que seria nesta fase da vida. Ainda curto muitas coisas que curtia na adolescencia. Se por um lado não tenho mais o mesmo vigor de um jovem de 20 anos, o que é natural, fui aprendendo que há muitas outras coisas que são mais importantes para um encontro legal do que a forma física. Aprendemos a cuidar mais da saúde do que da simples estética,a lidarmos com as limitações e a somar muitas outras formas de prazer na vida àquelas que já conheciamos. De qualquer forma temos que respeitar a consciencia que temos em cada fase da vida e que não é dependente somente da idade, mas também da cultura da pessoa. Gosto muito de ouvir a opinião dos adolescentes e jovens sobre estas nossas questões da homossexualidade. Não é demais lembrar o trabalho e a luta de toda uma geração de “velhos”, hoje com mais de 40 anos que colaborou e colabora para que possamos falar com mais liberdade, descontração e naturalidade. sobre ser homossexual não importa com que idade.
    Forte abraço para todos.

    1. Olá Roberto, tudo bem??
      Meu nome é Maria Clara e sou aluna da Universidade Anhembi Morumbi do curso de Design de Moda! Neste semestre estamos com um projeto para um público alvo mais específico, e parte da pesquisa de campo é sobre entrevistar pessoas que se encaixem nesse perfil… Gostaria de saber se você poderia se disponilizar para responder algumas perguntas, um questionário simples mas que nos ajudaria muito para prosseguir a desenvolver nossas ideias!! Quanto a sua privacidade, pode ficar tranquilo que não revelarei, você nem precisa me dar seu nome completo nem nada, ou se você preferir podemos até marcar um encontro. Mas caso você não possa respondender as perguntas, gostaria que me direcionasse a algum lugar (bar, restaurante, balada, etc) onde eu encontre pessoas com o mesmo perfil que o seu, ou algum amigo que você sabe que responderia as perguntas! Desde já agradeço a atenção! Beijosss!

  5. Ser gay ou nao ser nao tem idade, e para relacionamentos tbm! Tenho 22 anos, a 4 anos me assumi gay, mas sou totalmente fora do meio gls. Muitos acham que os 40toes sao velhos, sem graça e tal, mas acho que se vc quer ter um relacionamentio sério, um lance mais profundo, companhia, um bom papo antes e depois do sexo, ser conquistado, ter algo a mais, esses são os melhores homens para se envolver (tbm há os q são escrotos, casados enrustidos, homofobicos, q só querem putaria, sempre yem as carnes podres…), pois eles tem o q muitos caras nao tem q é maturidade, experiencia, sabem valorizar, conquistar, geralmente nao querem só uma transa, tem um charme especial e a maioria são másculos com jeito de homem mesmo! Eu adoro um quarentao tanto para sexo, conversar e namorar, o sexo com toda a certeza é muito mais gostoso, completo e prazeroso.

    Voce poderia fazer um post sobre diferenças de idade num relacionamento gay, há poucos texto e artigos sobre isso.

  6. Nunca liguei pra essa coisa de idade. Percebo que as pessoas (não a maioria, graças a Deus rsrs) leva isso em consideração, principalmente os gays (depois reclamam de preconceito kkk santa hipocrisia). Sou feliz como sou, com 44 anos, corpo normal, simples, sincero, deixando coisas e pessoas inúteis para trás… Na minha historia só valorizo aquilo e pessoas honestas consigo mesmas e com o mundo. Ser gay ou heteto ou bi é ser tudo isso em qualquer época ou idade. Abraços a todos!

  7. Não adianta se enganar, todos os homossexuais masculinos no fundo são infelizes e vazios e o mundo gay é podre, sórdido e permeado pela promiscuidade e futilidade. Só tenho atração por hetero, homem de verdade, porque se for pra sair com essas bichas aí prefiro ficar com mulher.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s