O diário de um gay não gay: sou homossexual

Ainda não falamos que temos uma relação homo

In amor, amor entre garotos, amor entre homens, amor um homem, blog, boate gay, chat gay, cinema gay, dentro do armário, descoberta sexual, diferenças, discriminação, escolha sexual, filme gay, filme gls, garotos de programa, gay, GLBT, GLS, gosto de homem, gosto de homens, homossexuais, namoro gay, namoro um homem, sexualidade, shelter o filme, Uncategorized on março 18, 2017 at 1:39 am

Contei pra vocês no penúltimo post que comecei a me relacionar com um cara. Ele é simples, é porteiro e ficamos amigos por outro porteiro que é meu amigo. O moleque tem 18 anos, a gente se encontrava na rua sempre, começamos a jogar bola na praia, e ele começou a se apegar a mim.

Ele fala de mulher pra caramba, e passa o dia falando com supostas ex peguetes, mas aqui no Rio desde que chegou nunca vi ele com ninguém.

Ele começou a vir a minha casa, e ficávamos horas assistindo vídeos no Youtube, ele se encostava em mim, sem medo, depois ia embora. Até que um dia dormiu aqui, e não sei como acabei passando a mão na barriga dele. Estávamos no escuro. Minutos depois o papo avançou e acabamos ficando de leve. Ele só me pediu para não contar a ninguém.

Semanas se passaram e ele voltou a dormir aqui em casa, e acabamos ficando, de lá pra cá, a gente fica uma vez por semana. Tem o lance carnal, ele faz sem culpa, eu acho. Tem o apego, ele fica próximo a mim, troca carinhos, já até mandou beijo no whatsapp.

Não onde isso vai dar, mas só sei que, eu acho que ele me faz bem. Não posso esperar muito dele, é meio bicho do mato. Alias é o segundo bicho do mato que tento algo em 8 meses. O primeiro era enrolão, e acho que meio interesseiro. Esse gosta de estar comigo e não é muito de sair. Prefere ficar em casa.

Essa semana notei ele meio inseguro. Hoje ele confessou que estavam falando porque ele dormia uma vez por semana ou mais aqui. Parada é que nunca conversamos sobre as experiências dele antes, e as coisas foram seguindo a gente se envolvendo.

Eu acho que gosto dele, apesar de não esperar que essa história dure muito. Eu não quero me ferir mais. Chega de sofrer e até apanha de homem.

O amor entre dois homem tem que ser em paz e bom para os dois lados.

Difícil encontrar um cara na dele, que não fique levantando bandeira e que queira viver uma vida tranquila. Principalmente sem mentiras entre um e outro.

Dessa vez fui bem tranquilo, nem pressionei ele, quando confessou que está sofrendo pressões de amigos. E olha que a gente é bem discreto. Não tinha motivos de ninguém falar. Mas foi o fato de um porteiro dormir na casa de alguém que tem mais condição financeira que ele, para as más linguas operarem.

Mundo é um lugar de pessoas toscas, que ficam dando conta da vida dos outros e esquecem das delas.

Mas vamos esperar para ver o que vai acontecer com a nossa história.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: