Guia de etiqueta gay?

Um dia desses não resisti e fui para aquele chat doido famoso gls, aqui do Rio mesmo. Tem de outras cidades. Mas eu entro no daqui do Rio mesmo.

Encontrei um cara manero, começamos a conversar. Dai perguntei a ele: Qual seu time de futebol? Você joga bola?

E olha a resposta:

Cara, eu sou gay! Não jogo futebol.

Fiquei bolado, para não dizer perplexo ao ouvir essa coisa tosca.  Na concepção dele e da grande maioria. Por ser gay, homo, ou bi. Você não pode jogar bola.

Essa gente está pirando. Eu já tinha falado em post anteriores que já fui censurado por joga bola, pois achavam que eu ia lá, para fazer pegação.

Essa gente so pensa em orgão sexual mesmo e em mais nada!

Mas voltando ao nosso amigo que diz não joga bola por ser gays. Eu gostaria de saber se existe uma cartilha de etiquetas gay, que diz o que pode e o que não pode. Isso mais parece um bando de gente sem visão, ou são míopes ou são muito irracionais. Desculpa está última palavra, mas se limitar assim é demais.

No final ele só falava em malhar, academia, corpo. Parecia que era mais importante ter um corpo e somente isso.

Como diria o pessoal “Oh b… burra!”

Ontem assistir o filme “Meninas Malvadas”, original em inglês “Mean Girls”. Acho que tem muito haver com os gays. Aquelas meninas fúteis querendo mandar no pedaço, por sorte no fim tudo acaba bem. Vejam o video da malvada Regina. E assistam o filme. Tem uma mensagem.

A de não nos transformamos em criaturas fúteis, só porque tem um grupinho, ou grupão de babacas querendo que sejamos uma só cópia sem identidade.

Deixo para vocês essa semana um clip manerin, com uma concepção muito manera. Da marie Digbi, ela começou com videos no youtube e hoje é um sucesso. Então diga “Say it Again”.

Bom início de semana!!!!

Anúncios

Shelter

Vários leitores tem nos enviado comentários perguntando quando o filme “Shelter” será lançado no Brasil. Ainda estamos tentando saber mais informações sobre isso.

Parece que não existe uma data para o lançamento do premiado filme, que aborda de modo suave, com bela fotografia e enredo a tematica de amor entre dois homens.

Eu recomendo o filme, já assistir com amigos meus que não curtem e eles ficaram impressionados com a qualidade do filme e a forma que aborda o tema.

Deixo vocês novamente com o trailler oficial e com um clipe que peguei no youtube.

Visite os outros post do Dentro do Armário clicando aqui

Madonna mais que uma estrela, uma mulher de verdade!

Ontem saiu a noticia de Madonna no Brasil. Imagina o Maracanã recebendo a cinquentona para lá de jovem. Vai ser muito bom.

Mas porque estou falando em Madonna, já que antes falei que não curtia divas gays. É porque queira ou não ela é a maior artista mulher do showbusiness mundial, capaz de parar cidades com a sua passagem.

Mas tem algo em Madonna que eu gosto. Vão logo dizer. Ah ela é polêmica. Certamente, faz o que dar na vontade. Isso é bom. Pois mostrar que ela tem personalidade. O que falta no mundo gay. Repleto de cópias sem personalidade.

Madonna pode ser chamada de escandalosa, mas ela é uma mulher a frente do tempo, já desafiou a religião, já polemizou sobre os desejos sexuais, já foi bruxa. E nos mostrar que a idade está na cabeça. Ela pode ter 50 anos, mas é jovem nas atitudes e espirito. Apesar disso ela se renova a cada dia. É uma camaleoa. Está sempre se reclicando de imagem e perfil. Mas é Madonna. A mulher e não a diva gay.

Uma das coisas que gostei é que ela mesmo sendo a popstar internacional, se mostra uma mulher madura. É  a mãe, a mulher de negócios, a literaria, a cantora. É completa. Como as mulheres são. Por isso que elas são mais inteligentes que nos homens e estão dominando o mundo. E não são copias mal feitas gays.

Destaco uma característica em Madonna.

O ser mãe. Lembram quando ela foi mãe pela primeira vez. Fez um livro de historias infantis para a filha. Que coisa mais sensacional e poderosa. Esse instito de ser mãe é o que eu destaco. O amor aos filhos.

Diferente de muito gay que destesta criança. Eles não sabem o que estão perdendo. São burros e miopes. fazer o que.

Então meu post hoje vai ser em homenagem a mulher Madonna.

Como Madonna é polemica vou ser polêmico, colocando um video que não é o da Madonna. rs. Dadyy Yankee – Gangsta Zone.

Visite os outros post do Dentro do Armário clicando aqui

Intocado

O tempo está meio nublado, altas ondas rolando, e voltando do campeonato de surf, me lembrei de um dos momentos mais especiais ao lado de um leke. 6 meses de puro sonho. Mesmo sem sexo, eu tive a felicidade de dividir momentos especiais com alguém que realmente compartilhou a sua vida comigo, o seu coração.

Bem, a história começa com a chegada de um leke de 19 anos, no prédio onde resido. Eu já era amigo do irmão dele, que foi morar em outro país . Ele veio ficar no lugar do irmão.

Passaram-se uns dias e ele me procurou. Ai começamos a falar sobre surf, uma paixão minha e dele. Foi quando começamos ir surfar todos os dias. 06 hs da manhã estava ele na minha porta,  13 hs estava ele novamente na minha porta.

Com sol ou fazendo aquele frio de 11º C, eu acordava de qualquer jeito na maior felicidade e o acompanhava. Mesmo quando minha prancha estava com problemas e eu não podia surfar, lá estava eu carregando sua prancha, sentando na area olhando ele surfar. Igual o namorado do surfista, coisa que as namoradas fazem quando o namorado vai surfar.

A cada dia nossa amizade aumentava, eu passava 70% do meu dia com ele, e ele comigo. Faziamos o almoço juntos, jantavamos juntos, assistiamos tv juntos, eu ajudava ele a estudar. Quando não estava na casa dele, meu msn vibrava, pois quando ele não me chamava por lá “vem meu leke”, ele interfonava sem parar para que eu fosse estar com ele.

Ficavamos até 1 hs da madrugada assistindo filmes juntos, deitados um ao lado do outro na cama de casal. Até ai só piadinha, mas nada demais. Até que um dia ele falou:

“Fala, pode contar para mi, sua parada é outra né?”.

E eu com medo de perdar a amizade dele, negava tudo. Mas quanto mais eu negava ele insitia, e estava mais presente ao meu lado.

As brincadeiras entre nos começaram a aumentar, era luta na cama, abraços mais apertados, estava começando a ficar tenso. Porque não queria que ele soubesse, mas ao mesmo tempo queria que ele soubesse também.

Esse cara realmente era especial, não era bonito, mas não era feio. Eu digo, como geral dizia,: “é um tipão.” E realmente era, surfava bem, presença o cara, gente boa, amigo, companheiro, amado por todos. O que eu mais queria?

As nossas brincadeiras aumentavam a cada dia. Deitavamos um ao lado do outro, sorriamos um para o outro.Trocavamos carinhos.

Posso lhe dizer que foram os melhores 6 meses que passei ao lado de um leke, não era namoro, mas tinha todos os requintes de um namoro, não era assumido, era velado, silencioso, mas era a felicidade. Tudo que eu sempre sonhei de um leke.

Infelizmente ele teve que ir embora para outra cidade. Mas nas férias ele vems empre me visitar e tudo recomeça, aquele carinho, companheirismo, ele ainda faz aquela pergunta, eu não nego mais, só digo: “

“Isso vai mudar algo entre nós?”

E ele responde:

“claro que não, meu leke”.

Essas coisas boas da vida são intocáveis. deixo vocês com o som animado de duas garotas que mandam bem no pop. The Veronicas – “Untouched”.

Boa semana!!!!!

só uma música

Essa semana estou em transito, mas prometo que semana que vem preparo um post divertido. Então deixo uma música para vocês, não é RBD, e sim RDB rs. É arabe então.

Bom final de semana!!!!

Coisas do Chat Gay

Certo dia sem ter muito o que fazer, resolvi ir ao chat gay mais famoso do Brasil. Entrei na sala do Rio, coloquei meu nick, e para minha supresa, na verdade eu já sabia, mas me assusto toda vez que entro ali. Vejo aqueles mesmo nicks. Alguns engraçados e outros tristes.

Vamos então comentar alguns deles.

Tem o cara que põe logo a idade. Das duas uma ele quer dizer que só quer caras dessa idade. Ex. Ze23a, este tipo normalmente só quer lekes de 18 a 28 anos, as vezes ele se limita até 26 anos, pois acha que mais velho que isso, já deve ser um coroa e banguelo. É umas das miopias dos gays, achar que nunca vão ficar velho ou até, serem superficiais, já que nem dão chance para teclar com a pessoa. O outro cara põe Zé50a, este é bem honesto, neste ponto de vista, pois já informa qual sua idade, já é bem maduro a quanto a isso. Então quem o procura é quem quer.

Temos o caso do que já vai pondo sua preferência sexual. ZéATV ou ZéPass, esse já que dizer para o que veio, o que curte e mais, já vem dizer: “estou aqui no chat para sexo,”. Se pintar algo a mais que isso, pode saber que você encontrou um achado.

Tem o meio prostituto que já entra no chat gay pondo REAL, esse com certeza deve fazer sexo feito coelho, se vocês me entendem. Acho esses um perigo, pois além de serem promiscuos demais, mentem horrores, dizem que são discretos e não são, dizem que fazem sexo pouco, e fazem até duas vezes por dia com pessoas diferentes. Então quando vpcê ver REAL, pense duas vezes, é um risco.

Tem aquele cara de põe Macho. Me permitam ri e muito, porque quando você pede para ver a foto do cara no msn, é engraçado, na verdade é uma princesa. É claro que tem suas excessões, mas em boa parte é propaganda enganosa. hauahuauua. A mesma teoria eu estendo para aos supostos DISCRETO ou DISCRETAÇO.

Um dos que eu mais acho interessante é o que põe um nome normal, Zé, João, etc. Acho que me trazem mais confiança. APESAR DE TODA DESCONFIANÇA, SER POUCO ALI NO CHAT GAY. Porque vocês sabvem as pessoas se escondem na net e criam personagens, fantasias, você acaba não sabendo o que é real ou imaginário.

Ah tem no chat também os narcisitas, saiba se você procura algo manero no chat. Se você teclar com figuras com nicks: gato, gatinho, lindo, saradão, etc. E eles vierem com papo de namoro, ou amizade. Tenha medo, pois é mais um mentiroso a solta, na verdade esta criatura só quer um objeto sexual, ou alguém mais ultra bonito ao seu lado. Ele não estar nem ai para o indivíduo, mas sim, para o rótulo. sses caras são fúteis e despreziveis demais.

Tem os nicks engraçados, peço lincença aqui para por essa palavras:

– bebedor de leite         (eu imagino que deva ser um bezerro desgarrado)

– Encarcador                (o que será isso, ué)

– dou c… a leke           (deve ser anúncio de panfleto de esquina de algum prostituto)

– $leke$                      (corra, mas corra mesmo, se você ver esse $)

– Leke Sério                 (tenho minhas desconfianças)

– mulek de calcinha      (como assim? é um leke ou uma mina?)

– Zé Cam                      (ele só tecla com quem tem Cam, desista)

– Leke Ultra Gato           (ele não quer um homem e sim um manequim de loja)

– Playboy25 Gato Cam    (esse tem 10 msn, entra com um a cada dia, e é mentiroso)

– CineHoje                    (é um bate ponto de boate, não quer nada sério)

Tem muitos outros nicks, esses são somente alguns, mas tem piores que nem vale a pena mencionar. Então deixo a dica aqui, quando for ao bate papo ou chat gay, vá com o pé atrás, a não ser que você só procurte sexo, mesmo assim, toma cuidado, porque o que parece ser principe, na verdade pode ser uma boneca purpurinada.

Deixo o som do Forfun – Good Trip para animar essa semana.

Políticos = Gays = Sofistas

Estamos em um ano eleitoral. Onde os políticos figuras já inspiram descrença perante a sociedade, novamente tentam nos iludir com suas retóricas, uma oratória bem caprichada.

E o que será que os políticos tem em comum com a maioria dos integrantes do mundo GLS? Tudo. Será que os dois politicos e pessoas do meio GLs tiveram aulas com os sofistas? hauahuaua.

Acho que sim.

Eu tenho falado nos posts anteriores sobre a doce enganação que os leks do meio fazem, promessas e mais promessas, mentiras contadas mil vezes e que passam a ser verdade. Os políticos também fazem isso. Então vemos as semelhanças entre as partes.

Para quem não sabe os Sofistas eram um grupo de filosofos gregos. Mas não vamos entrar na história, mas pegar um detalhe da arte que eles ensinavam.

“Historicamente o termo sofista, no seu primeiro e mais comum significado, é equivalente ao paralogismo matemático, que é uma demonstração aparentemente rigorosa que, todavia, conduz a um resultado nitidamente absurdo. Atualmente, no uso freqüente e do senso comum, sofisma é qualquer raciocínio caviloso ou falso, mas que se apresenta com coerência e que tem por objetivo induzir outros indivíduos ao erro mediante ações de má-fé.” (Fonte Wikipedia)

Outra coisa que me assustar e não quero nem mencionar, de onde veio essa de contar uma mentira mil vezes e ela se torna verdade. De um movimento triste que matou 50 milhões de pessoas. Vemos essa arte de enganar novamente se repetir.

É que as pessoas mentem com tanta facilidade nas boates GLS, no chat/bate papo. Que tudo isso se torna uma banalidade.

Sei que é chato, talvez seja chato demais eu ficar aqui só falando defeitos do meio. Mas se é verdade porque então vou esconde-os com a peneira. Como muitos o fazem. Isso aqui não é a Disneylandia. É mais pura realidade.

Assim como os políticos prometem, iludem a população e nunca realizam o prometido. A grande maioria do meio faz o mesmo. É claro, volto a dizer, que nem todos são assim. Mas são peças raras, pessoas que são corretas com as outras.

Já que estamos falando de políticos e gays. Espero que os cariocas gays, bi, e homo, não se iludam, como esse tal Bispo Crivella que se faz de bom moço. Lembrem-se que ele é contra os homossexuais, mas agora virou amigo de todos, com segundas intenções. Então votem em qualquer candidato a prefeito. E não votem no Bispo Crivella. Pelo amor de Deus.

Então após falar de políticos e gays, ambos lobos em pele de cordeiro. Vamos ouvir a música “Cedo ou Tarde” da banda NXZero.

Um abraço a todos

Que clube é esse?

Fui barrado no baile, mas fico feliz por ter sido barrado, porque nesse baile dos horrores e ilusões não quero fazer parte.

A vida é feita de escolhas. E não me sinto triste em ter sido barrado no baile que o mundo GLS criou para se iludir.  É claro todos nos temos nosso mundo, nosso gueto, nossa caverna, nosso escape. Isso não nego. Mas essa ilusão burra não quero fazer parte.

Sigo em frente, quem sabe encontro um cara manero para estar ao meu lado,. Quem sabe também não encontre. Mas fiz a minha parte. E continuarei fazendo. Me nego a ser um boneco sem vida e uma imitação banal.

Bom final de semana. Aproveitem e se divirtam nesse inverno com cara de verão, pelo menos aqui no Rio. Um abraço a todos que tem acompanhado nossas histórias. Prometo que semana que vem vou escrever melhor. rs

Dead Fish – Bem vindo ao Clube. Pra vocês ai.

Anti Ecológico

Estava pensando qual seria o post dessa semana, estava sem assunto, na verdade não queria adiantar alguns assuntos que quero postar mais a frente. Foi quando resolvi ir a praia, o sol estava muito bom hoje, nem parece inverno.

Por sorte vejo vindo um leke todo se achando, corpo delineado, cabelo arrepiado. E era o que eu imagina, mas um gay fútil andando junto a água, bebendo sua garrafinha d´água para hidratar o corpito após uma corrida. Até ai, ainda passa. Mas o pior estava por vir.

O cara se achando na praia, pega a garrafa e joga no chão, junto a água do mar. Fiquei perplexo. Mais um motivo para dizer: essa gente é futil, e ignorante mesmo, só exercita o corpo e não a mente.

Fiquei irrado, com um imbecil daqueles, todo se achando que pode fazer isso. Será que não poderia seguiar a garrafa e jogar uma lixeira mais a frente?

Mas não, ele tinha que ser um porco sujando a praia que ele próprio utiliza, sujando o mar que todos nos compartilhamos. Fonte de lazer e alimento.

Essa é para aquele gay burro, que jogou a garrafa no mar:

Já parou para pensar quantos objetos são feitos de plástico? Há brinquedos, copos, pratos, garrafas, mesas, cadeiras e tantos outros que é impossível listar todos. Apesar de útil, o plástico não é o melhor amigo da natureza. Feito de petróleo, ele demora muito tempo para se decompor, pode levar até 100 anos. Enquanto isso prejudica o meio ambiente.” Fonte: Ciência Hoje das Crianças.

Isso que me irrita nos gay, acham que ser gente é só vestir uma roupa de marca e cuidar da estética, e se esquecem de um item importante, adquirir conhecimento.

Cultura e/ou conhecimenta libertam o homem dos preconceitos, mas eles acham isso uma tremenda porcaria. Preferem ser burros e bonitos, ao invés de serem bonitos e inteligentes.

Mas fazer o que. Falta CEREBRO e sobra massa burra no meio gls. Ele devia se reciclar e ser reciclado. Alias não deve saber qual a importância da palavra RECICLAGEM.

Ai vai uma música de uma banda australiana, que é ecologicamente responsável, além de mandar um som surf muito show. Midnight Oil, com a música Dreamworld

Moral da história tive quer ir lá catar a garrafa de plástico que o animal vaiodoso deixou, e a coloquei fora do raio de ação das ondas.

Manequim?

Hoje acordei com a p… dessa música na cabeça. No final deste post vocês vão saber qual é. Ela diz tudo sobre essas pessoas que povoam o mundo gay.

Tipo, como venho comentando neste blog, eu não faço parte do mundo gay, eu não vou mais a boate gay a 5/6 anos, ainda bem que so fui poucas vezes naquilo. Não me considero gay, porque isso é estilo de vida e ser e isso eu não tenho em comum a eles.

Tenho uma vida e estilo totalmente fora dos padrões que os gays gostam. Por isso não concordo com essa banalidade que toma conta do meio. Tenho minhas feridas e queixas sobre isso tudo.

É mais ou menos assim, eles não vão com minha cara. Sou impeceptível. Os poquissimos que sabem, não gostam de mim, porque não gosto do que eles gostam. Para mim eles, são um zero a esquerda. Claro que em tudo há excessões.

Eu prefiro ter um leke de fora do meio, do que um que na verdade procura não um ser humano, mas sim um boneco, um manequim. Boneco de vitrine.

Então se ele, ou eles querem isso. Que vão a uma loja e comprem manequins estáticos, mudos e frios e casem com eles. Por que eu sou humano. Tenho sentimentos, quero alguém ao meu lado de verdade.

Não procuro uma pessoa que parece um vegetal, com todo respeito aos vegetais. Mas o que se ver por ai é vaidade, burrice, falta de carater, tristeza, falta de amor e sinceridade. Pessoas que só querem na verdade um corpo e não um companheiro para todas as horas, que honre a palavra AMIZADE, que é a base de tudo na vida.

O post é bem curto hoje. Pois final de semana está ai.

Vou deixar hoje o clipe que tem um título bem original para o mundo gay. É o título ou melhor o que os gays procuram para se relacionar. MANEQUIM. Então se você não procura um ser humano, e sim um boneco. Deixo em homenagem a vocês, senhores da estética burra, a música Manequim – Dominó. Essa tirei do fundo do baú.

Bom final de semana a todos!

Visite os outros posts do Dentro do Armário clicando aqui