Desejos reprimidos de um gays

Bom hoje vou compartilhar a história de um rapaz. Vou chama-lo de Carlos para preservar a identidade. Ele hoje tem um relacionamento de alguns meses com um outro rapaz mais velho. Mas as vezes a relação dele é tomada por desconfianças e ciúmes. Até ai ciúmes é algo normal em relações héteros e homo. Vez ou outra Carlos quer chutar o balde e pegar geral, fala muito nisso quando encontra os amigos.

As vezes ele acha que o namorado não o ama. Mas estão lá namorando mesmo assim. O namorado viajou para a Grécia, e ai que começou o circo a pegar fogo. Carlos soube que o namorado foi a uma festa gls quente numa ilha grega com amigos que ele denomina de “piranha”. Carlos quer acabar com o namoro. O namorado que está no Mediterrâneo a um mês diz que não aceita acabar e jogar tudo fora por ilações de Carlos…Carlos até propôs que enquanto o namorado estivesse viajando os dois dessem um tempo, tipo assim, você viaja a gente se dá férias e apronta. Diz Carlos que isso o faria melhor. Uma coisa meio sem pé e nem cabeça. Ou fica sério ou acaba.  Continue Lendo “Desejos reprimidos de um gays”

Anúncios

Quando o amor mudou meu destino

Bom, hoje, nesta noite de chuva, 5 de janeiro de 2018, faz aproximadamente 16 anos que vim morar no Rio. O tempo passou, já tive alguns amores e também desamores.

Sabe como vim parar no Rio? Conheci um cara no chat da UOL há 16 anos atrás, quando as pessoas ainda se conheciam no chat, e a única forma de saber como o outro era fisicamente no instante do contato era através de envio de e-mail para a pessoa. Ainda não tinha a cam, não tinha o whatsapp, ou se mandava e-mail e depois tinha coragem de ligar para ouvir a voz. Continue Lendo “Quando o amor mudou meu destino”

Amigos “heteros” se assumindo gay

Hoje descobri que um amigo meu se assumiu homossexual. Ele postou uma foto com o namorado. A surpresa foi que eu sempre o conheci como hetero. Morou com a namorada por uns anos. Era maior pegador da night de garotas. Inclusive quando a gente sai com a galera, sempre o via chegando nas garotas.

Esse é meu terceiro amigo, que se assumi. A uns 4 anos, outro amigo do futebol que também era maior namorador de mulher também se assumiu. Tem uma relação seria de 4 anos com um rapaz com o qual mora. Mas esse não postou foto se assumindo, mas posta foto com o namorado, e todo mundo sabe que são um casal. Continue Lendo “Amigos “heteros” se assumindo gay”

Elite Gay

Sim, pode até parecer preconceituoso falar isso. Mas sabia que existe Gay Negro, Gay Gordo, Gay Nordestino, Gay Pobre, Gay Roqueiro.

Encontrei um leito que se tornou amigão meu um dia desses para tomar uma cerveja, e ele reclamava disso. Que a “Elite Gay” aquele gay padrão, aquele gay que parece um Ken, acha que os demais são o resto.

Ele falava que em SP frequenta lugares em que homossexuais de diversos tipos se encontra. E podem fugir da ditadura de padrões gays. Ele citou exemplo que o Gay Metaleiro, e isso existe, não é o Gay querendo ser masculino não, como a Elite Gay prega que gay tem que ser somente de um tipo. Há gays que curtem rock in roll, que andam de preto sem ser emo.  Continue Lendo “Elite Gay”

Reprimo meus sentimentos gays

Já contei aqui que eu passei uma parte da minha adolescência me reprimindo. Eu sentia fazer solitário pensando em homem, mas ainda pensava em casar, em ter mulher, mas no fundo o que queria era uma relação com o surfista que era meu amigo. Sonhava com ele, tanto em prazer, e também como companhia para meu dia-a-dia.

Já contei também que chegou um momento que a coisa explodiu dentro de mim, e tive que ficar com um cara, alias, ainda me lembro daquele beijo no carro com medo, mas que foi bom. Continue Lendo “Reprimo meus sentimentos gays”

Conhecendo outros gays: aplicativo e rua

Bom, contei aqui a um tempo atrás que tinha instalado um aplicativo gay para conhecer caras. Domingo passado, depois de alguns meses acabei deletando.

Tem amigos meus que adoram esses aplicativo. Eu até conheci uns caras bacanas para papo quando usei o aplicativo fora do Rio de Janeiro. Achei mais bacana conhecer pessoas via aplicativo quando estava em viagem a outros Estados.

Aqui no Rio minha experiência não é da melhores. Acho que há muita vaidade. Começando que geral só expõe a carcaça para abate. “É tipo olha meu corpo, vamos fazer sexo.” Nada contra adoro sexo. Mas fica parecendo que nos resumimos só a sexo e putaria. E somos mais do que isso, somos seres humanos que curtem fazer outras atividades, conversar, fazer esportes e conhecer pessoas.  Continue Lendo “Conhecendo outros gays: aplicativo e rua”

Dica de filme: Boys

jongens-2014

Eu gosto de filmes homo/gays que são menos levanta bandeira. Os meus preferidos são os que mostram as relações do dia-a-dia, as dificuldades em se aceitar, prefiro os que mostram como nos encontramos, a descoberta do amor. Hoje tenho uma dica. Já assisti esse filme duas vezes. Ele está na Netflix, se chama “Boys”, o nome original da produção holandesa é “Jongens”

Conta a história de dois adolescentes que estão treinando para uma competição esportiva representando sua escola. Quando eles se conhecem, a amizade fica forte, e eles descobrem o amor. Mas nesse percurso, eles tem dúvidas, medos, e idas e vindas. Eles descobrem o interesse físico e sentimental um pelo outro. Continue Lendo “Dica de filme: Boys”

Sai com um Garoto de Programa

Isso mesmo que você leu. Sempre tive curiosidade. Mesmo porque sabemos que o universo homo mais velho é repleto de troca entre homens maduros e garotos de programa. Eu tinha essa curiosidade de como seria. Mas não estava disposto a pagar por  sexo.

Sabemos que quando boa parte dos homo ficam mais velhos recorrem a companhia de garotos de programas, mesmo porque nosso universo gay/homo é perverso com a velhice. Muitos são deixados de lado, humilhados por que não tem a beleza da juventude, porque já são gays velhos. Ai recorrem a companhia de garotos de programas. Heteros também recorrem a garotas de programa. As prostitutas são grandes psicólogas. Alias, um amigo meu homo, acabou tendo que ir com amigos a um bordel, e os amigos não sabiam dele, ele teve que ficar com uma garota de programa, chegando ao quarto, ela percebeu do que ele gostava, e deu prazer a ele, de outras formas, sem o sexo tradicional hetero, ela usou aparelhos no meu amigo, o satisfazendo e enganando os amigos deles, que esperavam ele sai do quarto para contar que mandou ver na garota de programa. Mal sabiam eles… Continue Lendo “Sai com um Garoto de Programa”

Deus pune quem é Gay?

Vamos começar aqui, dizendo que se Deus é Amor. Se ele é pai. Ele aceita, compreende, abraça, agrega, une, prega as diferenças e a diversidade. Inclusive diversidade de gays/homo.

Não é por ser gay que tenho que achar que Deus é mal, só porque homens aqui na Terra resolveram usar religiões ou fés para falar em nome de Deus e punir os demais.

Eu estou com 42 anos, e tenho várias fés. Vou desde a Igreja Católica, as Religiões, Orientais, Pagãs e até as Afrobrasileiras. Porque tenho várias fés. Tenho uma mente livre. Acho que existem vários caminhos para você ser felizes. Tem gente que tem uma fé e é feliz. Tem gente que é diversa como eu, que comunga em vários lugares. Que não se sente preso a uma fé ou a um grupo. Continue Lendo “Deus pune quem é Gay?”